whatsapp-logo-icone.png

publicidade

LISTA: 5 filmes/séries sobre crimes reais

Os mais absurdos, bárbaros e perversos crimes em excelentes narrativas e roteiros, mas, atenção! Todo cuidado é pouco...

O Silêncio dos Inocentes (Jonathan Demme, 1991) | Em cena: Hannibal Lecter (Anthony Hopkins)

Os crimes “mais hediondos” costumam chocar a população em todos os cantos do planeta, quase sempre e não muito tempo depois, produtores de cinema contratam uma equipe para reconstruir essas cenas, isso quando algum diretor não tem um interesse súbito por crimes do passado.


Alguns casos são tão chocantes que costumam dar nó garganta e embrulhar o estômago de quem os assiste, nos fazendo questionar a fé na humanidade, as motivações que fazem com que essas pessoas cometam tais atrocidades, na maioria das vezes ou é por desespero, ou por dinheiro, isso quando não é alguém, simplesmente querendo ver o circo pegar fogo, ou seja, tirar vidas a troco de nada.


Os filmes a seguir são histórias reais, com pessoas reais, logo crimes reais tentaram fugir o máximo que consegui de outras tantas listas sobre o tema, caso tenha esquecido algum marcante, deixa aí nos comentários.


5. The Act (Minissérie, 2019)

The Act (Minissérie, 2019) | Em cena: Dee Dee (Patrícia Arquete) e Gypsy Rose Blanchard (Joey King)

O primeiro caso da lista é um daqueles que deixa qualquer um de boca aberta, mas olha lá:


O caso aconteceu nos Estados Unidos, Gypsy Rose Blanchard (na série interpretada por Joey King) é uma garota que passou a vida inteira acreditando que tinha uma grave doença, que a impedia de fazer uma porção de coisas, como comer o que crianças gostam de comer, andar por aí, ter amigos, ir à escola e afins, tudo isso porque sua mãe Dee Dee (Patrícia Arquete) era uma louca varrida e superprotetora.


O fato é que, a mãe da garota inventou tudo isso para que a filha nunca saísse de baixo de suas asas... pois é, dá para acreditar?


Outro crime acontece quando a garota Gypsy descobre que sua mãe a enganou durante toda sua infância e adolescência, ela então conhece um garoto na rede e começa se relacionar com ele. O crime é um daqueles absurdos e meio difíceis de acreditar ou escolher um lado da história.


Quem está mais errada? A mãe que fez isso ou a filha que se vingou da mãe? De qual lado você fica? Assista a minissérie e tire suas próprias conclusões.


Um adendo especial para a atuação fenomenal de Joey King.


Onde assistir: Starz Play


4. Dr. Death (Minissérie, 2021)

Dr. Death (Minissérie, 2021) | Em cena: Christopher Duntsch (Joshua Jackson)

O caso aqui é ainda mais impressionante, se em The Act é até compreensível a mãe superprotetora e a filha revoltada, Dr. Death não nos permite engolir as atrocidades do Dr. Christopher Duntsch (Joshua Jackson).


O caso real do cirurgião que fazia suas operações sob efeito de álcool e drogas, isso quando não deixava seus pacientes em estado paralítico ou em condições irreversíveis – atenção – de propósito.

O primeiro episódio da série já tem um clima muito sombrio, chega ser assustador, a série segue os passos dos Dr, Robert Henderson (Alec Baldwin) e Dr. Randall Kirby (Christian Slater) que percebem os erros grotescos do cirurgião e decidem parar ele.


O que posso afirmar, é que a história é sinistra.


Onde assistir: Starz Play


3. O Silêncio dos Inocentes (Jonathan Demme, 1991)

O Silêncio dos Inocentes (Jonathan Demme, 1991) | Em cena: Buffalo Bill (Ted Lavine)

O assassino mais famoso da história do cinema, Hannibal Lecter (Anthony Hopkins), mais conhecido por seu sadismo e pela forma como assassinava suas vítimas. Não é uma pessoa real, é um personagem criado por Thomas Harris, mas ele foi inspirado em Alfredo Balli Trevino, um assassino mexicano que Harris entrevistou em meados da década de 60.

O premiado filme conta a história de Clarice Starling (Jodie Foster) – já relembro da cena em que Hannibal diz o nome dela, com aquele jeito peculiar – ela precisa da ajuda do assassino para capturar outro assassino, o assassino em série Buffalo Bill.


O filme é maravilhoso, eterna referência a filmes de serial killer / assassino em série, um dos poucos suspenses a ganhar o Oscar de melhor filme e um dos três a fazer parte do Big 5* no Oscar.


*Big 5 (vencedor dos Oscars de melhor filme, direção, ator, atriz e roteiro)


Onde assistir: Telecine Play


2. Zodíaco (David Fincher, 2007)

Zodíaco (David Fincher, 2007) | Em cena: Robert Graysmith (Jake Gyllenhall) e Paul Avery (Roberto Dow Jr.)

O diretor – ou devo chamar de mestre? – David Fincher é um dos melhores diretores da atualidade e o favorito da pessoa que vos fala. Diretor singular, cheio de estilo e meticuloso, acreditem ele é ímpar. Como se isso não fosse o suficiente ele tem um interesse particular em histórias reais e de assassinos; Zodíaco não é o seu primeiro filme sobre o assunto e nem será o último.

O filme se passa nas décadas de 60 e 70 em San Francisco, Califórnia, por lá um assassino que se autointitulou de Zodíaco assassinava pessoas aleatoriamente, sem nenhum motivo específico.


Onde assistir: Telecine Play


1. Capote (Bennett Miller, 2005) & A Sangue Frio (Richard Brooks, 1967)

Capote (Bennett Miller, 2005) | Em cena: Truman Capote (Philip Seymour Hoffman)

Capote: Truman Capote foi um dos maiores escritores estadunidenses de todos os tempos e sua personalidade excêntrica chamava atenção por onde o louro de voz fina passava. A obra-prima de Bennett Miller – um dos grandes diretores da atualidade – narra com maestria o processo criativo do escritor que se deparou com a notícia dos assassinatos um dia qualquer em um jornal e que lhe renderia A Sangue Frio, um dos livros mais lidos e premiados do século XX. O finado Phillip Seymour Hoffman nos brindou com a melhor atuação masculina do século XXI, até agora.


Onde assistir: Apple TV

A Sangue Frio (Richard Brooks, 1967) | Em cena: Perry Smith (Robert Blake) e Dick Hickock (Scott Wilson)

A Sangue Frio: O famoso assassinato – e mais famoso livro de Truman Capote – foi transformado em um filme minucioso, com uma belíssima fotografia naturalista, trilha sonora que foge da tragédia e um elenco incrível: o ator que interpreta Perry Smith, é idêntico ao real assassino.


Em suma, é um filme frio como pede o livro, cheio de tensão e que foca principalmente na dupla de assassinos; a cena do acontecimento principal é genial, um grande filme à altura dos melhores livros do século XX.


Onde assistir: YouTube Filmes