top of page
whatsapp-logo-icone.png

publicidade

Caso da facada pode virar CPI

Novo documentário do jornalista Joaquim de Carvalho reascende dúvidas sobre o caso Adélio Bispo e pode gerar CPI;

Adélio Bispo foi responsável pelo suposto ataque ao então candidato, Jair Bolsonaro. Desde então uma nuvem de mistérios o cerca. Considerado inimputável (incapaz de responder por seus atos), segue isolado em presídio federal.

Relembre o caso:


A facada em questão é o suposto ataque que o presidente Jair Bolsonaro teria sofrido em 08 de setembro de 2018, durante um ato de campanha na cidade de Juiz de Fora.

À época, muito se especulou sobre suposta facada que Bolsonaro teria sofrido. Na internet vídeos circularem questionando o fato de que em nenhum registro de imagem teria aparecido sangue ou sequer a camiseta rasgada, que até hoje não se sabe por onde anda.


Ontem, 12 de setembro, três anos após o ocorrido, o canal de jornalismo TV 247, ligada ao portal de notícias Brasil 247, publicou o documentário "Bolsonaro e Adélio - Uma Fakeada no Coração do Brasil" que, além de atualizar as notícias que se têm sobre as investigações do atentado, também expôs alguns pontos ainda não esclarecidos.


Carlos Bolsonaro:

Um dos pontos levantados pelo documentário "Bolsonaro e Adélio - Uma Fakeada no Coração do Brasil&quo