whatsapp-logo-icone.png

publicidade

LISTA: 5 filmes e séries sobre consumismo

TOP 5 produções (filmes e séries) para te livrar da cilada do consumismo, na cilada de comprar mais do que o necessário.

Capitalismo – Uma História de Amor (Michael Moore, 2009)

O dia mais importante do ano para os consumistas, para quem adora pechinchar, para quem adora uma promoção, um desconto generoso, no geral para quem gosta de comprar, mas o que é consumismo mesmo? O consumista é aquele que consome de forma excessiva, aquele que compra mais do que o necessário e só para deixar claro, ser consumista não é algo bom, mas nós, enquanto sociedade capitalista, tornamos isso uma prática muito comum.


O intuito da lista a seguir, é mostrar que esse consumo excessivo pode te colocar em um caminho sem volta, tentar fazer com que você leitor, reflita antes de sair comprando tudo e comprando coisas que na realidade, você não precisa.


5. Os Delírios de Consumo de Becky Bloom (P. J. Hogan, 2009)

Os Delírios de Consumo de Becky Bloom (P. J. Hogan, 2009) | Estrelando: Rebecca Bloomwood (Isis Fisher)

O filme gira em torno de Rebecca Bloomwood uma consumista descontrolada e que, por coincidência do destino, é contratada por uma revista de finanças para ajudar suas leitoras a controlar seus gastos.


Os primeiros minutos do filme já denunciam que essa é uma prática que está conosco desde criança, especialmente para aqueles que têm acesso fácil ao dinheiro. Quando a vida adulta chega e você sabe que tem cartões de crédito para ser feliz, a vida muda, mas a fatura sempre chega... nem tudo são flores.


4. Capitalismo – Uma História de Amor (Michael Moore, 2009) – ClaroVideo

Capitalismo – Uma História de Amor (Michael Moore, 2009)

Michael Moore é uma das personalidades americanas mais polêmicas da história moderna. Documentarista que não tem medo do que ou de quem vai enfrentar e sempre convicto dos assuntos que vai abordar.


Nesse documentário, Moore denuncia a sociedade capitalista e como ela faz com que as pessoas consumam sem parar, viciando as pessoas com propagandas, descontos, promoções e “vantagens” – um verdadeiro nocaute.


3. Sex and the City (Darren Star, 1998-2004) - HBOMax

Sex and the City (HBO, 1998-2004) | Em cena: Samantha (Kim Caltrall), Miranda (Cynthia Nixon), Carrie (Sarah J. Parker) e Charlote (Kristin Davis)

O relato mais preciso de um grupo de mulheres consumistas, esse não é necessariamente o foco da série, mas é evidente em cada uma das quatro personagens que elas consomem muito mais do que o necessário, especialmente porque Carrie (Sarah Jessica Parker) e suas amigas, Nova-Iorquinas, e sob grande influência do mundo da moda, estão sempre comprando aquele sapato por impulso ou um vestido para usar em um único evento.


O diferencial aqui é que elas, cada uma à sua forma, são muito felizes dessa forma. Claro que elas têm para gastar e para consumir sem arrependimentos, então...


2. Friends (Marta Kauffman, 1994-2004) – HBOMax

Friends (Marta Kauffman, 1994-2004) | Em cena: Rachel Green (Jennifer Aniston)

Se Rachel Green (Jennifer Aniston) não é a personagem mais consumista que existe na televisão, eu realmente não sei quem é.


Na série, ela é uma ex-rica que tinha tudo o que queria, centenas de sapatos e vestidos, mas que agora precisa trabalhar para conseguir o que quer, mas isso não muda o fato de que ela é uma consumista nata, no decorrer das temporadas, com a ajuda dos seus amigos, ela vai perdendo esse costume e percebendo que tem coisas mais importantes na vida do que bens materiais.


1. Clube da Luta (David Fincher, 1999) - Netflix

Clube da Luta (David Fincher, 1999) | Em cena: Tyler Durden (Brad Pitt) e o Narrador (Edward Norton)

O maior problema do protagonista da obra-prima de David Fincher é a sociedade, uma sociedade capitalista e consumista.


O protagonista, que é o narrador sem nome, interpretado por Edward Norton, é um cara que não consegue dormir, têm uma severa insônia. Para fugir do problema, ele fica horas consumindo coisas para o seu apartamento, coisas que ele não vai usufruir e isso acaba tomando conta de sua vida. Isso acontece até ele conhecer Tyler Durden (Brad Pitt) que vai mudar o rumo da vida do amigo para sempre, um filmaço.

publicidade